terça-feira, 23 de dezembro de 2008

Atenção, Concerto de Natal dia 28 Dezembro, concerto de Natal na Igreja de Santa Marinha do Zêzere as 15h e 30 m... Não faltem

segunda-feira, 17 de novembro de 2008

Quem não se recorda...






Lembram-se deste dia de Carnaval. Estávamos bem vestidos e eu sou o da peruca... lol

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Um dia para nunca mais esquecer




Para mim foi dos dias mais marcantes para a história da música de/em Santa Marinha do Zêzere.
No adro estavam sensivelmente 250 músicos, acho que no fundo podemos dizer

FIZEMOS HISTÓRIA ;)

terça-feira, 11 de novembro de 2008

O passar dos tempos....





foto de grupo

A maior banda do país, estávamos todos muito bonitos...

GRANDE CONCERTO

QUEM NÃO SE LEMBRA
DO XUTOS MEDLEY
video
Pode ver no seguinte link vários vídeos da banda musical da casa do povo de Santa Marinha do Zêzere:


URL: http://br.youtube.com/lmct1980

UMA DAS MUSICAS MAIS BONITAS

A DANÇA DO VAMPIRO

video

Podem ver também um vídeo que existe do musical no YouTube aqui vai o link:

http://br.youtube.com/watch?v=XyeGQQ86III

domingo, 9 de novembro de 2008

Apresentação

A imprensa regional do início do século XX, refere-se à fundação da "Banda Zezerense", sob a regência de João Ferreira Couto, em 1920.
De acordo com a mesma fonte, a primeira saída para fora do concelho de Baião acontece em 1921, já com outro regente, e em 30 de Abril de 1924, por ocasião da inauguração do coreto da freguesia, as crónicas diziam «... escuta-se agradavelmente e promete ajustar mais um florão à nobre divisa da nossa terra» (in Jornal "Flor do Zêzere").
Da Banda Zezerense perde-se então o rasto; pensa-se, por alguns relatos mais antigos, que tenha estado inactiva por alguns anos.
Após a fundação da "Casa do Povo de Santa Marinha do Zêzere" (1937), reaparece sob a designação de "Banda Musical da Casa do Povo de Santa Marinha do Zêzere", nome com que chega à actualidade, sem que haja conhecimento de qualquer interregno na sua actividade.
Muitos foram os regentes e os músicos que deram o seu contributo para que esta Banda se afirmasse como uma das mais importantes da região e fosse solicitada para as romarias mais importantes da região norte, com especial destaque para a região de Trás-os-Montes e Alto Douro, no final do século passado.
Nas décadas de 80 e 90 do século XX houve uma primeira onda de rejuvenescimento, que continua a verificar-se num processo de substituição natural.
Em resultado deste processo, o conjunto de executantes actual apresenta uma média de idades bastante baixa, muito embora um elevado número de elementos possua mais de 15 anos de experiência.
Na sua composição actual, todos os músicos são naturais do concelho de Baião, sendo que mais de 90% foram formados na escola de música da própria Associação.
Em Janeiro de 2002, com a tomada de posse de uma Direcção jovem com origem na própria Banda, iniciou uma nova fase do seu longo historial.
Em Julho de 2004, foi reformulada a imagem da Associação com a adopção de um novo fardamento, com a criação de um símbolo próprio e de uma bandeira que passou a integrar e enriquecer os desfiles em que esta Banda participa.
Desde Outubro de 2006 tem como director Artístico Hermínio Fonseca, natural e residente no concelho de Baião, músico da Banda da Região Militar do Norte.